Arquivo da categoria: animais

Urgente! Mais um cachorro abandonado

Padrão

ADOTADA! OBRIGADA A TODOS PELA AJUDA!

 

Pessoal, vim pedir de novo a ajuda de vocês, leitores e leitoras do blog e apaixonados por cachorros. Vou contar a história toda:

Saí com a minha mãe hoje de manhã pra comprar um remédio pro meu cachorro, em uma pet shop que tem perto da minha casa. Quando eu cheguei na esquina de casa, onde tem um ponto de vendas da sacola econômica, vejo na calçada uma coisinha bem pequeninha e muito, muito fofa. Uma cachorrinha. Segundo o vizinho, ela estava ali desde segunda-feira à noite, e ele a levou pra dentro do estabelecimento, mas não tinha como ficar com ela, pois, por causa dos alimentos, a vigilância sanitária poderia multar.

Ela veio na minha direção, tremendo muito de frio. Aproveitei que ia na Pet pra perguntar se a dona não poderia ficar com ela, enquanto procuramos por um lar. Como eu já disse, não tenho como trazer nenhum cachorro pra minha casa, pois meus 4 não aceitam companhia. Infelizmente, ela não pôde ficar, mas a moça ficou com meu telefone, e disse que se encontrasse um adotante, me avisaria. Além disso, ela disse que ontem (na segunda) abandonaram um cachorrinho bem parecido com a cadelinha que encontrei na frente da loja, mas que um senhor cliente dela, que procurava por um novo companheiro, ficou com ele. O negócio é que esses bandidos estão espalhando a ninhada pelas ruas do meu bairro.

Pra encurtar a história, depois de implorar pra alguém abrigá-la em cada pet shop e até pras pessoas que eu encontrei na rua, ficaram com ela na Pet Shop Madagascar, que foi a organizadora de uma Cãominhada aqui na minha cidade, com o objetivo de acabar com os maus-tratos e o abandono. Eu deixei porque sei que eles cuidam bem, e ela vai ser desvermifugada e vão tirar as pulgas. Se vocês quiserem conhecer o trabalho deles, o perfil no Orkut está aqui.

O que eu venho pedir é só que vocês divulguem este post. Pode ser que alguém queira adotá-la. Ela tem por volta de 1 mês e meio, é pretinha com as patas brancas e manchinhas marrons. É muito dócil, e comeu cheia de vontade a ração Sapeca para filhotes que eu ofereci. A veterinária me disse que ela não será grande, no máximo de porte médio. Ela está em Sapucaia do Sul – RS, mas dependendo de onde a pessoa que queira adotar more, podemos providenciar o transporte.

Aqui vão as fotos (mal tiradas, eu sei! Ela é tímida e eu sou péssima fotógrafa! rs):

Por favor, divulguem!!! Mesmo que não possam adotar, só divulgar o link em seu blog, orkut, twitter, facebook, já ajuda um monte!!!

Obrigada mais uma vez!

Anúncios

Qual o preço da sua beleza?

Padrão

Depois de o post passado ter sido sobre um assunto mais light, hoje vim falar de algo que considero bem sério: os testes feitos em animais.

Todo mundo bem sabe (ou deveria saber) que grande parte dos produtos de higiene e cosméticos que usamos no nosso dia-a-dia são testados para que a empresa que os fabrica tenha certeza de que eles não vão fazer mal à saúde das pessoas que os utilizam. Pois bem. O que grande parte dos usuários destes produtos não sabe, é que frequentemente estes testes são feitos em animais. Pra não chocar os que, como eu, têm estômago fraco, não vou postar aqui as fotos de como esses testes são feitos e quais os danos sofridos pelos animais que passam por eles, mas basta procurar na internet que você facilmente encontrará essas informações.

Os animais mais usados para testes são macacos e coelhos, mas os cachorros e gatos também entram na berlinda. Imagine ter produtos tóxicos pingados em seus olhos, que causam alergias na sua pele, ter seus cabelos raspados e líquidos que podem ser danosos ao seu organismo serem injetados em você todos os dias. Isso é apenas a parte mais “leve” do sofrimento pelo qual passam esses animais indefesos, que não têm como se proteger dos cruéis tratamentos a que são submetidos. Pra piorar a situação, muitos deles, quando envelhecem ou, na visão dos pesquisadores, se tornam incapazes de participar da tortura, são abandonados à própria sorte.

Não pretendo com este post abalar o lado sentimental de cada um. Apenas peço que pensem como seres racionais. Qual o direito que nós, seres humanos, temos de simplesmente pegar outro ser vivo e submetê-lo a esse tipo de tratamento? O que faz eu e você melhores do que um cachorro, um gato ou um coelho? A nossa capacidade de pensar? Então, que tal usarmos essa capacidade que nos foi dada para pensar nos animais, que não possuem o dom da comunicação, e defendê-los, já que eles não podem fazer isso sozinhos?

Antes que alguém argumente que não há outra forma de testar os produtos sem usar animais, eu lhes informo que, felizmente, há sim. Cientistas de várias partes do mundo estão trabalhando para evitar que seja necessário utilizar animais. Além disso, várias empresas de cosméticos e produtos de higiene (inclusive algumas delas brasileiras) já aboliram esta prática.

Sem o intuito de fazer propaganda, vou falar de duas empresas cujos produtos já testei e aprovei, e que apresentam em sua embalagem a informação “Produto não testado em animais”. A primeira é a Skala. Já usei o creme hidratante para o corpo e os xampus. Todos os produtos são muito bons, e os preços são ótimos. A segunda é a Vizcaya. Dessa, já testei o xampu e o creme para pentear, que também foram aprovados com louvor. Porém, a Vizcaya trabalha com produtos de custo mais elevado, mas pela qualidade do produto e pela preocupação com os animais, eu acho que vale a pena.

Outra coisa que quero lembrar é que neste post estou falando exclusivamente de produtos de higiene e cosméticos, pois há outras áreas que usam animais em testes, como a medicina e até mesmo a medicina veterinária, o que acho um absurdo, já que o estudante deveria aprender a zelar pelo bem estar do animal.

Mais uma coisa: não sou vegetariana. Espero no futuro ter mais força de vontade e abolir totalmente a carne da minha alimentação. Muita gente já me disse que não entende porque eu sou contra a crueldade com os animais se eu como carne, e sei bem que os bichos não são bem tratados quando são criados para abate. Acontece que, no meu ponto de vista, há um abismo de diferença entre matar um animal para se alimentar e matar um animal para “ficar mais bonita”.

Pra finalizar, quem tiver alguma dúvida ou quiser consultar a lista das empresas que testam e as que não testam seus produtos em animais, pode visitar o site da PEA – Projeto Esperança Animal, que lá tem todas essas informações. Outra coisa, se você quer saber mais sobre o método de testes de alguma das empresas que constam em qualquer uma das listas, envie um e-mail para o SAC da companhia em questão, que (provavelmente) eles te responderão. Fui ver com a Johnson & Johnson se eles testavam mesmo, e a resposta foi positiva. Já a Skala eu contatei depois de ver o aviso de “Produto não testado em animais” na embalagem de um xampu que comprei, e eles me confirmaram que não testam.

Minha atitude quando descobri sobre as empresas que usam animais para testes: fiz uma listinha com os nomes dessas companhias, e procurei só comprar produtos de empresas que declaram usar outro método de testes.

Mais informações sobre os procedimentos usados para testes em animais, procedimentos alternativos e leis que impedem o uso de animais para esse fim, acesse:

http://www.pea.org.br/crueldade/testes/index.htm (Site da PEA – Projeto Esperança Animal)

http://www.centrovegetariano.org/Article-41-%2BAlternativas%2B%25E0%2BExperimenta%25E7%25E3o%2BAnimal.html (site do Centro Vegetariano)

http://seja-vegetariano.blogspot.com/2007/11/empresas-criam-alternativas-aos-testes.html (Blog Seja Vegetariano)

 

Seja um ser humano consciente: evite comprar produtos de empresas que usam animais como cobaias para testar seus produtos. Acesse AQUI o panfleto educacional da PEA.

OBS.: Se alguém tiver alguma informação/site relevante para adicionar às informações desse post, sinta-se à vontade pra deixar seu comentário.